PALAVRA COM SENTIDO

PALAVRA COM SENTIDO

“…permanecei firmes no Senhor…” (cf. Fil. 4, 1)

A vida dos cristãos, no mundo em que vivemos, é constantemente desafiada pelo pecado que nos envolve como teia de violência, de descrédito, de maldade, de perfídia. Muitas vezes, a desconfiança, o desânimo, a indiferença dominam os sentimentos e o coração dos crentes que, tomados de assalto pela mentalidade laicista - que quer controlar e regular a vida e as consciências – deixam esvaziar a fé e a esperança que depositavam em Cristo e no seu Evangelho. O apelo da palavra é convite à perseverança, à fidelidade, à firmeza do testemunho. Não é de um homem que recebemos este desafio; é de Cristo, o Filho de Deus, o Eleito. Diante das muitas feridas da Igreja, que partilha os sofrimentos de tantos homens e mulheres que sentem na sua pele a perseguição, a incompreensão e até a morte, somos chamados a deixarmo-nos transfigurar pela graça, pelo perdão e pelo amor de Deus.

segunda-feira, 30 de outubro de 2017

EM DESTAQUE


*CELEBRAÇÃO DE TODOS OS SANTOS
E COMEMORAÇÃO DOS FIÉIS DEFUNTOS

No dia 1 de Novembro, a Igreja celebra a Solenidade de Todos os Santos. Nesta festa católica lembra-se todos quantos se encontram na glória de Deus, participando da sua festa, da sua alegria e da sua eternidade.
No dia 2 de Novembro, a Igreja faz a comemoração de todos os Fiéis Defuntos, rezando por todos os que já partiram para o Pai, na fidelidade ao seu amor e na esperança da ressurreição. Pelo facto de não ser feriado, a tradição da maior parte das paróquias aproveita o dia de Todos os Santos para fazer a memória dos seus fiéis defuntos com romagens aos cemitérios.
Na Paróquia da Feira, a celebração de Todos os Santos far-se-á na Missa Vespertina de Terça-Feira, às 18 horas, e nas Missas do dia 1 de Novembro, às 8 e 15 horas. No final da missa da tarde, faz-se a peregrinação ao cemitério, em oração por todos os defuntos.


*MUDANÇA DA HORA

Com a entrada em vigor da alteração da hora, são alterados os horários das celebrações eucarísticas, na Igreja Matriz. Assim, no Domingo à tarde, na Terça-Feira e na Sexta-Feira, a Eucaristia será às 18 horas; no Sábado mantém-se o horário: 18,30 horas.
Qualquer alteração será, atempadamente, anunciada.